segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

SOFRIMENTO, TEIMOSIA...

 Não sei se as coisas estão fracas ou desgastadas. Só sei que tudo está meio cético, embaralhado, que está confundindo a minha cabeça e que estou à ponto de desistir. O ponto em que chegamos está me fazendo sofrer, só sinto vontade de chorar e tudo que vejo está escuro, sem graça, frio e tenebroso.
 Sorrio, às vezes, mas não estou me sentindo bem. Não estou como antes, que me sentia leve, me sentia  como se tudo estivesse sido resolvido. Mas vejo, que não é bem assim, que as coisas se dificultam. Alguma hora, tudo desmorona entre nós dois, e isso me faz ficar mal, em prantos, chorando. Coisa que não dá pra conter.
 Não sei como consegues ser tão frio, tão gelado, se torna uma espécie de Cubo de Gelo que fica próximo. Mas ao mesmo tempo, longe de mim. A forma que você me despreza parece ser tão fácil. Me ignora da pior forma, que consegue me derrubar e me deixar em prantos profundos.
 Sinto que há falta de Diálogo, conversar é necessário. Sei que é Chato, mas é o certo à se fazer.
 Só espero que tudo melhore, que tome jeito como já estava sendo ano passado, e que fiquemos bem.
 " Difícil não é desistir do que mais se quer, e sim do que mais amamos. Se caso eu desistir, não pense que foi por falta de forças pra lutar e sim, porque não tive mais condições de sofrer "

Nenhum comentário:

Postar um comentário